Domingo, 26 de Agosto de 2007

Amarras do Amor


O amor é algo que se sente,

que chega e mostra as suas garras,

independente da vontade da gente.

No coração faz suas amarras.


Quando o amor chega,

não tem como disfarçar.

Ele estampa um sorriso no rosto

e um brilho intenso no olhar.


O coração dá as ordens

mandando a saudade entrar,

começando assim a tortura

de logo querer se encontrar.


Diante desse sentimento

nada mais podemos fazer,

pois deixa-nos impotentes

ante tamanho querer.


Se este sentimento é tão bom!

Porque vamos evitar?

Deixe o seu medo de lado

e abra a porta para o amor entrar.

(Ana Amélia Donadio)

 

tags:
publicado por isabelsushi às 16:04
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Terça-feira, 21 de Agosto de 2007

POEMA MEDO

E sempre eu me espanto,
com esse suor frio,
essas frias mãos,
essa angústia que sempre vem

e se apresenta.
Esse medo da morte,
ausência da vida,
extinção do ser.

Falta coragem,
faltam palavras,
mas saem algumas
orações tímidas

canções que consolam
dão confiança,
dão sono,
canções que confortam,
que absorvem,
abstraem.
Elas fazem tanto,
eu as agradeço,
e me penitencio.

Sérgio Medeiros

tags:
publicado por isabelsushi às 17:13
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 14 de Agosto de 2007

Eu Abri Os Meus Olhos



Eu abri os meus olhos para a noite
e o céu se debruçou sobre minhas retinas...

Eu abri os meus olhos para a noite
e a claridade entrou pela minha alma escura
como gritos de festa...

 - e a escuridão, rasgou-me ante os punhais da luz
cravados na minha alma,
como as clareiras cravam lâminas de luz
no corpo da floresta...

Dos profundos mistérios do meu Ser
num estranho rumor de asas rufando
veio uma sombra que era luz na sombra
e que brotou do chão,
- veio... pousou nos meus olhos abertos
e voou buscando o céu que viu lá fora
batendo as asas da imaginação.


Senti-me como a estátua de mim mesma...
O meu corpo ficou como uma catedral
sonâmbula e vazia
onde se côa a luz mortiça dos vitrais...
E a minha alma fugiu
(pobre alma sonhadora)!
pelos raios de luz dos vitrais dos meus olhos,
- tal como foge sempre
na ilusão de subir e não pousar jamais!

(Desconheço o autor)

tags:
publicado por isabelsushi às 14:47
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito

Get your own glitter and more at BlingyBlob.com

Faça uma visita ao meu blogs das anedotas

carregue no ratinho

 

 

.Visitas

Trump Baja Condos
Port Lawrence
MEUS SELOS LEVA O QUE MAIS GOSTARES





Nova página 1

Traduza esta Página

Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Nova página 1

*O MEU OUTRO ESPAÇO*

*Blogs das anedotas*

.Abril 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

  • Maripossa

  • * PRÉMIOS * Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket Photobucket Photobucket
  • .posts recentes

    . SOMENTE HOJE...

    . ...

    . ...

    . O LUAR

    . * * PENSAMENTO * *

    . * * A Lágrima **

    . * MARIA *

    . DESENCONTROS

    . RAZÃO E EMOÇÃO

    . DÚVIDAS

    .favoritos

    . Asas quebradas...

    . Um amor puro

    . Nem todos os Natais serão...

    . Não te amo mais... Será?

    . Fecha os olhos, deixa a m...

    . Os Verdadeiros Amigos são...

    . Ama-me como sou...

    . A cor da lágrima

    . Filosofia Hindú

    . Coisinhas

    .links

    .

    MySpace

    .arquivos

    . Abril 2009

    . Janeiro 2009

    . Novembro 2008

    . Setembro 2008

    . Agosto 2008

    . Julho 2008

    . Junho 2008

    . Maio 2008

    . Abril 2008

    . Março 2008

    . Fevereiro 2008

    . Janeiro 2008

    . Dezembro 2007

    . Novembro 2007

    . Outubro 2007

    . Setembro 2007

    . Agosto 2007

    . Julho 2007

    . Junho 2007

    . Maio 2007

    . Abril 2007

    . Fevereiro 2007

    . Janeiro 2007

    . Dezembro 2006

    . Novembro 2006

    . Outubro 2006

    . Agosto 2006

    .mais sobre mim

    blogs SAPO